segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Resenha: A Escrava Isaura - Bernardo Guimarães


Sinopse: Conheça a emocionante história de Isaura, uma escrava branca perseguida por seu senhor, Leôncio. A bela mulher acredita no amor verdadeiro e, mesmo sob ameaça e violência, não se entrega a qualquer homem. Álvaro é o único que toca o coração de Isaura. Por amor, ele luta para ficar junto de sua amada e não desiste, mesmo quando tudo parece perdido.

Em tempos tão complexos, a escrava Isaura, uma moça alegre, muito bonita e bondosa foi criada e amada por uma senhora tão cândida quanto ela, que jurou protegê-la e fazer dela sua companhia durante toda a sua vida. Essa senhora é sogra de Malvina e mãe de Leôncio, o seu único filho ainda vivo. Ela cumpriu a promessa até que o destino decidiu que a hora de partir dessa amável senhora havia chegado. Malvina, sua nora, que conhecia o apreço que a sogra tinha para com Isaura, declarou que passaria a cuidar da pobre escrava desamparada, mas o rumo das coisas mudou completamente.

Isaura passou muito tempo sendo atormentada pelo seu senhor, Leôncio, que mantinha uma paixão secreta e alienada por ela. Alguns acontecimentos levaram Isaura a tomar uma difícil e tentadora atitude entre os escravos: Fugir. Seu pai, Miguel, tomou as providências e eles foram parar em um lugar onde viveram poucos meses em paz. 

Durante esse tempo em que esteve afastada de seu senhor, Isaura conheceu Álvaro, um homem gentil e abolicionista, por quem se apaixonou perdidamente. Sendo correspondida por seus sentimentos, Álvaro faz de tudo para conseguir a liberdade de Isaura e poder ser feliz com ela.



Isaura é uma moça doce, educada e repleta de dons. Frequentemente é incomodada pelos homens pela sua beleza fora do comum. Ela é classificada como uma “fada”, e basta olhar para ela, que muitos se apaixonam sem mesmo conhecê-la de fato. Achei a descrição a respeito de Isaura muito exagerada. Ela é admirada por tudo e por todos a todo o momento. É de fato, a exposição da mulher perfeita. 

“O coração é livre; ninguém pode escraviza-lo, nem o próprio dono.” Pág. 58

O livro nos faz, muitas vezes, perguntar: por que é que as melhores pessoas passam por situações tão injustas? Quando eu não achava Isaura cínica, com suas palavras exageradamente humildes, tinha dó dela, por todo o infortúnio que tinha de passar. Para concluir a minha opinião a respeito dela: apesar de todos os elogios, passou longe aos meus olhos, de ser a mocinha amada e adorada pelo público.

A história acontece durante os primeiros anos do reinado de D. Pedro II, entre os anos 1840 e 1889. A linguagem é simples, mas muito cansativa. Contém detalhes demais e algumas partes eu tinha que reler, pois me distraia muito. E eu adoro ler clássicos!

O autor demonstrou a realidade injusta de muitos escravos, ele quis dar ênfase à escravidão e as suas características. Tem o patrão malvado, a patroa boazinha, o jovem branco apaixonado, os escravos conformados, os escravos revoltosos e também aqueles que pouco se importam com tudo. De modo geral, a obra possui uma descrição bastante explorável com relação à escravidão.

“A escravidão em si mesma já é uma indignidade, uma úlcera hedionda na face da nação, que a terra protege.” Pág. 105

A minha edição é bem simples, publicada pela Editora Avenida, com capa mole e 160 páginas. No final, tem algumas informações adicionais, como o resumo, a descrição dos personagens, etc. Para concluir, preciso dizer que, não concordo com aqueles muitos que fizeram resenhas e comentários intitulando esse livro como “Decepcionante” ou “Odiável”. De fato não é um dos meus preferidos, passou muito longe mesmo, mas também não é tão detestável assim. O final foi ótimo, do jeito que tem de ser e eu gostei bastante de como os fatos formaram a conclusão.

26 comentários:

  1. Olá Tha, sua resenha está ótima, parabéns!
    Já tive muita vontade de ler esse livro, mas ela passou e, hoje, não sei se seria capaz de ler. Não sinto mais essa necessidade, digamos assim.
    Já li diversas opiniões controversas em relação à esse livro, mas gostei da sua. Acho que toda história tem um rumo e, pelo visto, essa tomou o rumo certo.
    Beijos
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada Bru!
      Eu li esse livro porque ganhei há muito tempo e já estava "criando teia de aranha" na minha estante, rs.
      Beijão.

      Excluir
  2. Oi Thamiris, eu li esse livro já faz algum tempo, era outra edição. Me lembro de ter gostado bastante da história.
    Ótima a sua resenha.
    petalasdeliberdade.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Olá !

    Gosto muito de ler clássicos, realmente acho eles fantásticos. Nunca li esse, mas fiquei com vontade ><

    Bjoos Miih

    http://bookscoffeeandcupcakes.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Miih,
      Eu também gosto de ler clássicos, na verdade, sou apaixonada por eles! rs
      Fico feliz que tenha ficado com vontade de ler esse livro.
      Beijos!

      Excluir
  4. Thamiris, nunca li "A Escrava Isaura", mas acredito que acharia as mesmas coisas que você disse. Você sabia que ele já foi adaptado pra série (ou novela) no passado? Eu não assisti, mas sei disso. Acho que vale a pena procurar pra dar uma conferida... Pelo menos eu adoro ver todas as adaptações dos livros que eu leio. Hahaha
    Um abraço,
    Monalisa
    www.literasutra.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Eu sabia, mas nunca tive vontade de assistir, rs, mas posso tentar algum dia.
      Obrigada pela visita!
      Beijos.

      Excluir
  5. Oi flor,li esse livro no colégio e gostei muito..depois vi algumas adaptações em novelas,uma no SBT e na Rede Globo e amava assistir....
    Enfim,adorei a sua resenha e espero ter a oportunidade de ler o livro de novo.

    bjs

    ateliedoslivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Hey Thamiris!

    Muito boa a sua resenha e até inusitada,pq eu nunca tinha lido uma resenha sobre esse livro antes,as frases que você colocou ficaram muito bem escolhidas,que dá até aquela vontade de ler o livro (E olha que eu nem sou tão fã de literatura brasileira)

    Parabéns pelo blog!
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Muito obrigada, rs. Fico muito feliz pela resenha ter despertado isso em você.

      Beijos!

      Excluir
  7. Hey, tudo bem?
    Eu já li esse livro e gostei muito. ^^
    Adorei a resenha!
    Abraços!
    http://enjoythelittllethingss.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi Thamiris, tudo bem?
    A Escrava Isaura, apesar de ser uma história já bastante conhecida, eu ainda não tive oportunidade nem curiosidade de realizar a leitura.
    Gostei muito das quotes que você destacou me deram até vontade de ler o livro, mas o fato de você ter achado a leitura cansativa não me anima muito então acho que não pretendo ler essa obra tão cedo.

    Beijão ;*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Maiara!
      Pois é, eu conheci a história só agora que li esse livro. Não posso negar, a leitura, para mim, foi cansativa.

      Beijos!

      Excluir
  9. Olá =).
    Eu já comecei a ler esse livro, mas acabei nem concluindo a leitura justamente por não ter gostado da obra. Mas desse autor eu já li O Seminarista, que é até bacana. Mas nem tenho coragem de resenha clássicos.
    Beijos.
    Memórias de Leitura (memorias-de-leitura.blogspot.com)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Inês,
      Ah, que pena! Não conheço O Seminarista, vou dar uma olhada.
      Beijão

      Excluir
  10. Oi Thamiris!
    Eu li esse livro há bastaaante tempo, acho que foi até para a escola. Adorei a leitura! Além desse, tbm li O seminarista desse autor, que tbm gostei bastante!
    Mas sou suspeita pra falar da história de A escrava Isaura, sempre gostei muito, haha.
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carol,

      Vou ter que dar uma olhada nesse livro! haha Fico feliz que tenha gostado.

      Beijos

      Excluir
  11. Oi Thamiris, tudo bem?
    É a primeira resenha sobre o livro que eu vejo e, confesso: vou ler o livro.
    Muito, muito boa a resenha.
    Parabéns e obrigado pela dica.

    Beijos.

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. O livro A cidade do sol é um dos meus preferidos. Que história linda. Outro livro que me fez chorar. Muito bom!!

    Beijos.

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi, Thamiris! Gostei muito da sua resenha de Escrava Isaura e do blog. Parabéns!
    Já li a obra quando era mais nova, mas em uma versão bem resumida. Tenho vontade de ler a obra completa, mas ainda não tive oportunidade.
    Beeijo, beijo!

    sonhodeleitora.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Larissa,

      Muito obrigada, espero que tenha uma oportunidade logo.
      Beijos!

      Excluir
  14. Um grande livro, uma grande historia!
    http://cantinhoparalivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante. Obrigada!

Obs.: Caso você não tenha uma conta no Google e não saiba como comentar, escreva o que deseja na caixa de texto acima e na opção "comentar como" selecione "Nome/URL", preenchendo somente o campo nome.

E-mail para contato: thamirisdondossola@hotmail.com