quinta-feira, 25 de janeiro de 2018

Resenha: Depois daquela viagem - Valéria Piassa Polizzi

Resultado de imagem para depois daquela viagem

Título: Depois daquela viagem
Autora: Valéria Piassa Polizzi
Editora: Ática
Nº de páginas: 279
Ano: 2003

Depois daquela viagem, publicado pela editora Ática, é uma autobiografia de Valéria Piassa Polizzi, que se contaminou com o HIV enquanto era adolescente, nos anos 1980. 

Já começo com o seguinte: não pensem que, por se tratar de uma autobiografia, é um livro chato, cansativo e “eu não gosto de biografias”, etc. Depois daquela viagem é escrito de forma que parece ser uma obra de ficção. É um infantojuvenil que pode ser lido por qualquer idade; é um livro sensacional que nos faz ver a AIDS de forma diferente; é uma fonte de informação e lição. 

“Infelizmente, alguns anos atrás, eu não sabia de nada disso. Faltavam informação, explicação e educação sexual, sobretudo nas escolas. E eu espero sinceramente que, a esta altura, as escolas já tenham se dado conta disso e, em vez de ficar só falando de problemas matemáticos, acentuação gráfica e ciclo da chuva, falem também de um pouco de sexo com os alunos.” (p. 106)

Valéria se contaminou com o HIV quando ainda era muito jovem. Imaginem uma menina com AIDS nos anos 1980, quando não se tinha muita informação, ou melhor: meios para se obter informação. Existia muito preconceito e medo de morrer, pois AIDS era sinônimo de morte decretada em breve. Acompanhamos, então, a jornada de Valéria depois da descoberta: o ato de se aceitar com AIDS, esconder dos amigos, esperar pela morte a qualquer momento, viajar e se deparar com novas informações, e talvez, uma fonte de esperança.


Depois daquela viagem foi uma leitura extremamente proveitosa para mim. Apesar de tratar de um assunto bastante sério, a escrita de Valéria é descontraída e convidativa. Eu não tinha muito conhecimento do assunto AIDS e descobri várias coisas importantes por meio da leitura. 

Um ponto importante de Depois daquela viagem é o preconceito. É incrível como o preconceito consegue ser disfarçado, as pessoas apenas fingem não ser preconceituosas e Valéria expos isso de uma forma tão simples, apenas descrevendo as coisas a sua volta. Outro ponto importante é a morte. Valéria expôs o fato de que as pessoas com AIDS sempre esperam morrer a qualquer momento, e faz questionamentos: será que a vida de alguém deve ser estagnada apenas por ter AIDS? Você deve estar pensando: “não, claro que não”, mas voltem um pouco no tempo, naquela época era tudo tão diferente, e sim, a estagnação era ponderada, mas Valéria, felizmente, descobre que não deve ser.

Não resisti e fui pesquisar sobre a vida da autora atualmente, descobri coisas bacanas e ela também tem um blog, que vocês podem ver clicando aqui. Quero aproveitar para deixar exposta a minha admiração por Polizzi.

“Fico pensando, então, como seria se o mundo se todas as pessoas começassem a gastar cinco minutos de seu tempo umas com as outras.” (p. 38)

Depois daquela viagem é uma leitura instigante, rápida e informativa. Me acrescentou muito e me fez ver as coisas de forma diferente. Acredito que é um excelente livro para ser trabalhado na escola, levando conhecimento e informação para que os adolescentes não se peguem desprevenidos.


POLIZZI, Valéria Piassa. Depois daquela viagem. São Paulo: Ática, 2003.

2 comentários:

  1. Oi Thami
    Eu li esse livro quando estava na escola. Ele estava lá na prateleira e achei o título interessante. Encontrei uma história linda. Fiquei feliz pro ter gostado também. Eu o li a tantos anos... gostaria de reler ele.
    Um beijo

    Vidas em Preto e Branco

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lary! Muita gente veio me dizer que tinha lido na escola e eu nunca tinha ouvido falar nele antes, haha. Adorei mesmo, é uma leitura muito bacana que nos acrescenta bastante.
      Beijão

      Excluir

Seu comentário é muito importante. Obrigada!

Obs.: Caso você não tenha uma conta no Google e não saiba como comentar, escreva o que deseja na caixa de texto acima e na opção "comentar como" selecione "Nome/URL", preenchendo somente o campo nome.

E-mail para contato: thamirisdondossola@hotmail.com