sexta-feira, 19 de maio de 2017

Resenha: Redações perigosas - Telma Guimarães Castro Andrade


Sinopse: Rosemeire é uma professora substituta que luta para sobreviver. Interessada em conhecer melhor seus novos alunos, pede-lhes que escrevam uma redação sobre as férias. Para sua surpresa, esse tema tão inocente gera confissões reveladoras de inúmeros problemas enfrentados pelos adolescentes. Entre as revelações, algumas bastante perigosas, envolvendo a jovem professora com o mundo do crime.





Escrito por Telma Guimarães Castro Andrade, Redações perigosas é um livro que eu gostaria de ter conhecido na minha adolescência. Isto é engraçado e bonito: um livro é capaz de nos fazer ver o mundo de uma forma diferente, um livro é capaz de nos fazer enxergar coisas que nem sequer imaginávamos que existia. Ler é incrível!

Rosemeire é professora de História e consegue uma vaga numa escola como substituta temporária. No primeiro dia de aula, com a boa intenção de conhecer melhor seus novos alunos, pede que eles escrevam uma redação falando um pouco sobre como passaram as férias. Assim, segundo a professora, seria possível conhecer um pouco de cada aluno, com base em fatos reais, não somente nas impressões que eles tinham sobre eles mesmos. (Boa, Rose! Mas bem que podia ter escolhido um gênero textual da vida real também, né? Aí seria perfeito!) 

O que era para ter sido apenas uma apresentação de uma forma diferente, acabou se tornando algo muito maior. Por meio das redações, a professora acabou descobrindo coisas extremamente graves que envolvem drogas, mortes e muito perigo. E quando ela menos espera, se vê envolvida nessa confusão também.


A leitura de Redações perigosas é muito leve e acessível, adorei o senso de humor da autora. O livro tem 88 páginas e algumas ilustrações, então é possível lê-lo em poucas horas. E duvido que alguém consiga começar a ler e não queira devorá-lo. É muita adrenalina!

Nas primeiras páginas, acompanhamos um pouco da vida difícil da professora que luta para sobreviver com o emprego na escola e algumas aulas particulares. Com isso, já é possível fazer uma reflexão sobre as mudanças na profissão do professor ao longo dos anos. Na sequência, acompanhamos a descrição de uma série de redações. Fiquei arrepiada com a realidade algumas e dei risada de outras. Uma sala de aula é um universo, tem o céu e o inferno de mãos dadas. A partir disso, a confusão se desenrola. Eu afirmo: vale muito a pena conhecer essa história. É tão inusitado, mas ao mesmo tempo é tão real! E tem mais... Além da ação e do suspense, a autora ainda incluiu um quê de romance. Redações perigosas é tudo de bom!

Se você procura uma leitura inteligente e leve, eis uma ótima opção. Redações perigosas é um daqueles juvenis para todas as idades, é o tipo de livro que diverte, informa e faz refletir.


Referência: ANDRADE, Telma Guimarães Castro. Redações perigosas. São Paulo: Atual, 2009.

10 comentários:

  1. Oi Tha!
    Nossa e por o livro ser tão curtinho imagino que dê pra ler em duas horas sem parar haha
    Gostei da premissa, não encontro muitos livros desse gênero na literatura brasileira!

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Raí!
      Dá sim, miga. Eu li em poucas horas! Hahaha. É uma leitura bem leve.
      Beijos

      Excluir
  2. Oi Thamiris! Como sou professora já super me identifiquei com a protagonista! Gosto de tramas inteligentes e acho que vou curtir o livro! Gostei da indicação!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Mi!
      É um livro que nos faz pensar sobre a realidade. E apesar de curto, é bem comoletinho. Que bom que gostou!
      Beijos

      Excluir
  3. Olá Thamiris! É bom saber que existem livros após a coleção vagalume que incentivam a leitura dos jovens. Atualmente a internet possui muitos atrativos, para prender a atenção dos jovens é preciso priorizar livros instigantes, como este parece ser.

    ResponderExcluir
  4. Ah, já ia me esquecendo, o texto com o tema do mês foi publicado no blog na semana passada. Beijo!

    ResponderExcluir
  5. Até parece nossos estágios né? O interessante é que quando os alunos conhecem novos professores, normalmente, se abrem. Apareceram coisas semelhantes nas redações dos meus amadinhos. Beijinhos sua linda ��

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante. Obrigada!

Obs.: Caso você não tenha uma conta no Google e não saiba como comentar, escreva o que deseja na caixa de texto acima e na opção "comentar como" selecione "Nome/URL", preenchendo somente o campo nome.

E-mail para contato: thamirisdondossola@hotmail.com