segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Pequenas e melhores coisas da vida


Eu amo o clima natalino. Já falei alguma vez por aqui? Não é que isso aconteça somente no Natal, mas nessa época do ano dá vontade de sair por aí abraçando todo mundo, desejando coisas boas e presenteando os mais próximos, só para ver aquele sorriso de surpresa e alegria no rosto deles.

Pensando sobre esse clima de final de ano, com o som de We wish you a merry christmas tocando incansavelmente, cheguei, mais uma vez - sim, pois essa sensação está presente sempre - de que as pequenas coisas são as melhores de nossas vidas. 

É tão bom ganhar um presente, mas dar presente é melhor ainda. Por exemplo, nós fizemos um "amigo do livro" na faculdade e, aparentemente, a pessoa que eu presenteei ficou tão feliz com o livro que recebeu. Isso encheu o meu coração de alegria, fez toda aquela tensão "pré-presenteamento" valer muito!

Isso vai parecer muito repetitivo, mas quando se trata de coisas boas, a repetição é uma prece. Pense na lambida do seu cachorro quando você chega em casa, no cheirinho da comida da mãe nas noites de sexta-feira, no abraço apertado dos seus amigos, na sensação de satisfação ao terminar de ler a última linha de um livro que você adorou, na gratidão exposta das pessoas que você ama, no beijinho no rosto do seu filho, nas palavras de agradecimento dos professores. Pense no clima fresco de um fim de tarde de dezembro, no sabor da sua fruta preferida, no seu pé descalço tocando na grama e na sua fé, que não importa no que ela se deposita, sendo no bem, o que importa é a proporção com que ela existe. 

Essas coisas acontecem em qualquer momento da vida, mas parece que em dezembro, com o clima natalino, elas se acentuam mais. O que importa mesmo é darmos valor para essas pequenas coisas, que num primeiro olhar aparentam ser tão simples, mas num segundo, se percebe o quanto são importantes. 

Por Thamiris Dondóssola.

12 comentários:

  1. Que gracinha Thamiris! Eu também penso assim. Prefiro passar o Natal com minha família, o clima familiar nesta época é delicioso. Mas esta época já não me agrada mais como antigamente, pois é muita correria e comercialização para pouca confraternização. Enfim, é bom, mas acho que poderia ser melhor, ter mais a ver com família, entende? Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Oi Thami!
    Tbm amo o clima natalino! ♥ Seu texto está um amorzinho, como sempre! Super me identifiquei!
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carol!
      Obrigada querida. Agradeço também pela visita.
      Beijos

      Excluir
  3. Olá!

    Também gosto muito de natal, quando você citou a música tocando, no instante lembrei de December do Chris Botti tocando na sala durante a véspera de natal. Gostei bastante do seu texto, um feliz natal para você!

    Abraços, Heitor
    shakedepalavras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Thami!

    Eu também me sinto mais revigorada no final do ano. Eu sei que as coisas não melhoram como mágica, mas saber que tem um ano inteiro pela frente para gente correr atrás dos nossos sonhos é muito bom!
    Também sou daquelas que prefere presentear do que ser presenteada, fico super sem graça se não consigo retribuir de alguma forma.

    beijos
    Psicose da Nina | Instagram

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nina!
      Com certeza, é isso mesmo.
      E presentear é maravilhoso, rs.
      Beijos

      Excluir
  5. Oi Thami, eu fico um pouco triste no Natal, mas gosto bastante do clima que antecede a data e principalmente as decorações! Amei o seu texto!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante. Obrigada!

Obs.: Caso você não tenha uma conta no Google e não saiba como comentar, escreva o que deseja na caixa de texto acima e na opção "comentar como" selecione "Nome/URL", preenchendo somente o campo nome.

E-mail para contato: thamirisdondossola@hotmail.com