quarta-feira, 13 de julho de 2016

Resenha: Simon vs. A Agenda Homo Sapiens - Becky Albertalli


Sinopse: Simon tem dezesseis anos e é gay, mas ninguém sabe. Sair ou não do armário é um drama que ele prefere deixar para depois. Tudo muda quando Martin, o bobão da escola, descobre uma troca de e-mails entre Simon e um garoto misterioso que se identifica como Blue e que a cada dia faz o coração de Simon bater mais forte.
Martin começa a chantageá-lo, e, se Simon não ceder, seu segredo cairá na boca de todos. Pior: sua relação com Blue poderá chegar ao fim, antes mesmo de começar. Agora, o adolescente avesso a mudanças precisará encontrar uma forma de sair de sua zona de conforto e dar uma chance à felicidade ao lado do menino mais confuso e encantador que ele já conheceu. Uma história que trata com naturalidade e bom humor de questões delicadas, explorando a difícil tarefa que é amadurecer e as mudanças e os dilemas pelos quais todos nós, adolescentes ou não, precisamos enfrentar para nos encontrarmos.

Antes de qualquer coisa, quero agradecer a leitora maravilhosa que é a Bru, do blog Um Oceano de Histórias, por ter indicado esse livro - também maravilhoso - em seu blog. 

***

Simon vs. A Agenda Homo Sapiens é o tipo de livro que se você tiver tempo livre, conclui em poucas horas. É uma leitura muito leve, instigante e produtiva. 

"E não consigo parar de sorrir. Há momentos em que realmente dá mais trabalho não sorrir."

Simon é um adolescente gay, mas ninguém sabe disso. Ele costuma trocar e-mails com Blue, um garoto da sua escola que ele não sabe quem é, mas que também é gay e se encontra na mesma situação que ele: a dúvida entre sair ou não sair do armário. Portanto, de modo geral, o livro gira em torno dos e-mails reveladores entre Simon e Blue e a relação que eles vão construindo com o passar do tempo. Isto, de modo geral, mas o livro também aborda outros pontos. Tudo está relativamente bem quando Martin, colega de Simon, acaba descobrindo os e-mails de Simon e Blue e pede um pequeno favor em troca do seu silêncio: Simon terá que ajudá-lo a conquistar Abby, a amiga de Simon. Este é, portanto, um dos pontos paralelo às dúvidas de Simon acerca da sua situação. Mas há também o relacionamento de Simon com seus pais e com seus amigos. 

Uma das características mais agradáveis deste livro é a personalidade de Simon. Me diverti muito com suas reflexões e senti uma simpatia muito grande por ele. Cheguei a conclusão de que, se ele fosse real, eu gostaria de ter a sua amizade. A forma como ele se empolgava com a possibilidade de ter uma pessoa que o amasse, seus pensamentos a respeito do fato de ser gay: “por que só os gays saem do armário? Todos deveriam ter que sair do armário, passar por essa situação”, tudo em sua personalidade me conquistou. E além de tudo isso, Simon é divertido, engraçado e não gosta que toquem em seus olhos, assim como eu. Me flagrei dando muitas risadas em vários momentos. 

"Mas estou cansado de sair do armário. Tudo que eu faço é sair do armário. Tento não mudar, mas estou sempre vivendo essas pequenas mudanças. Arrumo uma namorada. Tomo uma cerveja. E, todas as vezes, preciso me reapresentar para o universo."

Como mencionado no parágrafo acima, gostei da forma como Simon desenvolveu a questão ser gay. Esses créditos, portanto, devem ser dados a autora do livro, Becky Albertalli. Aliás, foi o meu primeiro contato com a escrita dela e só posso dizer que estou encantada. 

Antes de concluir, quero ressaltar o quanto fiquei ansiosa e quase surtei para descobrir quem é Blue. E depois da descoberta, quase tive outro surto de tanta fofura. Pensando nisso, essa é a melhor palavra para descrever Simon vs. A Agenda Homo Sapiens: fofura. 

Super recomendo. Estou perdida e simplesmente apaixonada por este livro e pela delicadeza que o caracteriza.



10 comentários:

  1. Oiii Tha!!

    Quero muuuito ler esse livro. Conheci ele na turnê da Intrínseca e fiquei apaixonada pela estória!
    Assim que der vou comprá-lo! *---*

    Beeijoo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Raí!
      Quando você ler, vai se apaixonar mais ainda. ♥
      Beijos

      Excluir
  2. Me identifiquei com Simon em vários aspectos de sua personalidade, e ao mesmo tempo me senti como se tivesse observando de longe a história de um amigo muito próximo.

    É um livro para indicar para todo mundo. Um livro incrivelmente encantador.

    Ps.: Mencionei você e seu blog no meu último post. ♥

    Um beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também me identifiquei, Stéphanie. A história é mágica! <3
      Beijos

      Excluir
  3. Oi, Thamiris

    Curiosamente eu conheci esse livro através de resenhas de bookstagrammers, e só depois comei a ler resenhas dele em blogs. Acho que até agora não li uma ressalva sequer a respeito desse livro.
    Todos elogiam o Simon, então realmente acredito que ele seja um ótimo personagem. E eu fico na maior curiosidade para saber quem é Blue! Hahahaha
    Nunca li um livro com temática LGBT, mas gostaria de começar e quando puder comprarei esse livro!

    Beijos
    http://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Tamires!
      Por enquanto eu li duas resenhas do livro e as duas também foram muito positivas. E se você já está curiosa sem ter lido o livro, nem queira imaginar como vai ficar quando estiver lendo, hahaha. Esse é o segundo livro com temática LGBT que leio e foi uma leitura maravilhosa!
      Beijos

      Excluir
  4. Oi, Thami!
    Eu conheci esse livro na turnê e imediatamente quis adquirir. Pena que minha situação de contas não me permite por agora.
    Eu acho muito nada a ver essa de sair do armário. Como se assumir-se gay fosse fazer a pessoa se transformar de um et para um humano.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da promoção de aniversário do blog Crônica sem Eira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Luiza!
      Então, você adoraria ver como essa questão de "sair do armário" é trabalhada pela autora. <3
      Beijos

      Excluir
  5. Olá Thami,
    É tão lindo quando indicamos o livro, uma pessoa querida lê e gosta da leitura. Melhor ainda é quando uma pessoa faz uma homenagem dessa para quem indicou a obra ♥
    Adorei saber que você gostou da leitura e tenho que te confessar que também tive um ataque de fofura quando descobri quem era Blue. Também gostei muito da forma como Simon lidou com a questão de ser gay. Enfim, como você bem sabe, essa história foi incrível pra mim.
    Parabéns pela incrível resenha.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bru!
      De fato esta é uma sensação maravilhosa. Obrigada pelo elogio e pela indicação.
      Beijocas ♥

      Excluir

Seu comentário é muito importante. Obrigada!

Obs.: Caso você não tenha uma conta no Google e não saiba como comentar, escreva o que deseja na caixa de texto acima e na opção "comentar como" selecione "Nome/URL", preenchendo somente o campo nome.

E-mail para contato: thamirisdondossola@hotmail.com