terça-feira, 7 de julho de 2015

Nada é inaproveitável

"Abra um livro quando tiver vontade. Não se intimide porque hoje ninguém vive por alguém. Procure um emprego, estude, faça aula de frevo se tiver vontade. Arrume um namorado, arrume o que fazer. Compre um carro, financie um apartamento, abra uma parceria. Ria de alguém, ria de você. Cante para um desconhecido e dê a mão a um amigo. Diga que ama, demonstre seu interesse, faça um discurso, chore por um filme, chore por alguém. Não jogue lixo no chão, acorde cedo, brinque com seus pais, dê carinho ao seu cachorro. Organize uma festa, vá a igreja, beba suco de melancia, acorde depois do almoço, beije o rosto de alguém, compre um óculos de sol. Contrarie, arrependa-se, especule. Não culpe uma pessoa, faça o jantar, atravesse a avenida, tome banho de chuva. Forme-se numa faculdade, case-se, tenha filhos, tenha uma família. Visite seu melhor amigo, compre um presente, dê um presente, faça as unhas, pinte o cabelo, mude radicalmente o visual. Termine um trabalho, escreva um texto, faça uma carta, leia um panfleto, economize água, pinte uma camisa velha, economize energia, participe de uma brincadeira. Aproveite uma segunda-feira. Nada é tão ruim quanto parece, nada é inaproveitável. A vida tá passando. Nada é totalmente recusável. Os dias correm, as oportunidades correm junto com eles. A vida é exatamente ímpar e singular. Você só tem uma chance."

Thamiris Dondóssola.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante. Obrigada!

Obs.: Caso você não tenha uma conta no Google e não saiba como comentar, escreva o que deseja na caixa de texto acima e na opção "comentar como" selecione "Nome/URL", preenchendo somente o campo nome.

E-mail para contato: thamirisdondossola@hotmail.com