segunda-feira, 2 de março de 2015

Resenha: Christine – Stephen King


Sinopse: Christine - Arnie Cunnigham era um perdedor. Rosto coberto de espinhas, desajeitado com as garotas, magro demais, passava os dias pelos corredores da escola, tentando fugir da gozação dos colegas. Isso até Christine entrar em sua vida. Amor à primeira vista. A partir desse dia, o mundo ganha novo sentido. Tudo o que Arnie quer é estar junto de Christine. Mas não se espere um novo Romeu e Julieta, tratando-se da mente assombrosa de Stephen King. Christine é um carro. Um Plymouth Fury 1958. Um feitiço sobre rodas que se apodera de Arnie e faz dele alguém diferente. Há algo poderosamente maligno solto pelas estradas de Libertyville. Uma força sobrenatural que vai deixando seu rastro de sangue por onde passa. Embarque nessa viagem assustadora e boa sorte.

Arnie Cunnighan nunca esteve na lista dos mais populares da escola. Para falar a verdade, ele era um perdedor. Seu rosto tinha muitos apelidos pela grande quantidade de espinhas, ele era desengonçado e ignorado pelas garotas. Arnie não entrava no grupo dos esportistas ou no grupo dos nerds. Ele passou o ensino médio se escondendo. Socialmente, ele não se encaixava em lugar algum e só possuía um único amigo: Dennis. A única coisa que Arnie sabia fazer era mexer com carros. Mecânica de automóveis era seu talento.



Enquanto voltava do trabalho no carro de Dennis, Arnie avistou Christine à venda na frente da casa de um velho. Christine é um Plymouth Fury 1958 e o jovem ficou transtornado pelo carro. Foi amor à primeira vista. Arnie fez o que foi preciso para comprar o carro e não ligou para o fato de ele estar caindo aos pedaços. E incrivelmente, após a sua compra impulsiva, sua vida nunca mais foi a mesma.

“Às vezes as pessoas não conseguem enxergar certas coisas até que as vejam com os próprios olhos.” Pág. 99

Na primeira parte do livro, a narração é feita por Dennis, deixando um suspense no ar, pois tudo é descrito a partir dos seus sentimentos. Nas próximas partes, a narração é em terceira pessoa, fazendo com que a gente tenha uma visão mais ampla dos acontecimentos. Arnie tem um papel importantíssimo na história toda, mas Dennis recebe o foco para ele, ficando atrás apenas de Christine.

Esse livro é muito rico em detalhes. Em alguns momentos você para e pensa: “Meu Deus, isso é um absurdo! Como vou acreditar que isso é possível?”, mas logo em seguida, pela riqueza dos detalhes, tudo parece muito mais que real. Então você pensa totalmente o contrário. O livro também possui um numero grandioso de páginas, o meu exemplar possui 764. Eu estava com medo de isso atrapalhar um pouco a leitura, mas isso não aconteceu. Finalizo essa resenha falando sobre a reação que o livro me proporcionou: medo.

11 comentários:

  1. Oi, Thamiris o/
    Bom, eu nunca li nada do Stephen, mas curiosidade é o que não me falta. Confesso que não sou de ler livros da temática dessa, mas a premissa dele é super interessante, também fiquei animada ao saber que a primeira parte do livro deixa um suspense, isso deixa qualquer leitor doido para terminar o livro, né? Também fiquei super animada ao ver que pela riqueza de detalhes tudo parece mais real, mas não sei se arriscaria começar por esse livro do autor, por causa do número de páginas eu fico um tanto assustada kkk

    Beijos :*
    Larissa - http://srtabookaholic.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lari,
      Assim que puder, leia um livro do autor. Indico, para começar, "Zona Morta", que foi o primeiro livro dele que eu li e eu gostei muito, por isso decidi me arriscar e ler outros livros.
      Beijão

      Excluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Oi..
    Queria muito ler algum livro do autor. Pois falam muito bem dele.
    Se eu não me engano, eu assisti o filme baseado neste livro. É bem legal, mas bem antigo.
    Gostei de conhecer a obra.


    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Letícia, tem um filme sim e ele é antigo. Comecei a ver, mas ainda não terminei.
      Obrigada pela visita!

      Excluir
  4. Oi Thamiris!!Tudo bom?
    Sou super fã do King e ainda pretendo montar minha coleção com todos os livros dele,sonho kkkkkkkkkk
    Adorei a sinopse desse livro,já tô pensando em colocar ele nas minhas próximas comprar.
    Como todo livro do King imagino que deve ser bem descritivo e como você disse,bem detalhista,é a marca dele mas que amo de paixão!!
    Beijos!!

    http://livreirocultural.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Nossa, a premissa da história me lembrou de Carrie, a Estranha, até Christine aparece, pelo menos.

    Sempre quando leio sinopses ou resenhas do King penso "mas que sem pé nem cabeça", ainda bem que eu sei que a graça das histórias do Mestre do Terror não é a originalidade, muito menos o terror. É a fabulosa escrita!!!

    Um Metro e Meio de Livros

    ResponderExcluir
  6. Olá Tha,
    Parabéns pela resenha. Como sempre, muito esclarecedora.
    Eu sou apaixonada por Stephen King desde que li Sob a Redoma. Tenho vontade de ler tudo dele e esse livro me pareceu ser bem interessante e eu vou adicioná-lo a minha lista de leituras! Amo sentir medo com livros rs
    Beijos
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante. Obrigada!

Obs.: Caso você não tenha uma conta no Google e não saiba como comentar, escreva o que deseja na caixa de texto acima e na opção "comentar como" selecione "Nome/URL", preenchendo somente o campo nome.

E-mail para contato: thamirisdondossola@hotmail.com